05/02/2021 às 23h44min - Atualizada em 05/02/2021 às 23h44min

Bolsonaro e Ratinho Junior inauguram CT de Atletismo em Cascavel

Área de mais de 86 mil metros quadrados deve ser referência na formação e no treinamento de atletas no Paraná, desde a base até os de alto rendimento

Da redação
Foto: Divulgação
Uma área de mais de 86 mil metros quadrados será referência na formação e no treinamento de atletas no Paraná, desde a base até os de alto rendimento. O presidente Jair Bolsonaro e o governador Ratinho Junior inauguraram, nesta quinta-feira (4), o Centro Nacional de Treinamento de Atletismo (CNTA), um dos mais completos centros de excelência do país em iniciação esportiva, em Cascavel.

O complexo esportivo recebeu investimento de R$ 22 milhões – R$ 16 milhões repassados pelo Governo Federal e R$ 6 milhões pelo Governo do Estado. O espaço vai atender esportistas de todo o país e atletas que representam a cidade em competições, além de estudantes em projetos de contraturno escolar. O local será gerido de forma compartilhada entre o Governo do Estado, por meio da Superintendência Geral do Esporte, e a Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Cultura e Esportes.

A proposta é que os projetos desenvolvidos no local mesclem a preparação de jovens promessas e também profissionais, tendo a educação como elemento primordial nas práticas diárias. “Esta é uma obra fundamental para investir no futuro dos nossos competidores e também das nossas crianças, para que elas possam se transformar, se não em atletas profissionais, que exige muita dedicação e vocação, mas em cidadãos melhores”, afirmou o governador.

“Estamos fazendo aqui algo diferenciado. Este é um complexo muito grande, que pode atender centenas de atletas. Possivelmente, uma boa parte desse equipamento poderia ficar ociosa, então nós, o Estado e a Prefeitura, com aval do Ministério da Cidadania, resolvemos usar o espaço físico para colocar a molecada para treinar todos os dias, atendendo os jovens de Cascavel e até mesmo da região”, destacou Ratinho Junior.

Parceria

A obra, que fica na região oeste da cidade, deveria ter sido terminada antes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, mas ficou pronta só agora. “Fizemos, dentro do Ministério, um trabalho forte para tirar todas as obras da área esportiva do papel. Tivemos no Governo do Paraná uma parceria segura e conseguimos, do ano passado para cá, agilizar a entrega desse complexo”, explicou o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

“Além de desenvolver o alto rendimento dos atletas que têm potencial de competições paralímpica, olímpica ou do Panamericano, temos outra coisa importante, que são crianças que virão para cá. Elas vão aprender aqui os valores que o atletismo, e o esporte como um todo, trazem: humildade, treino, dedicação e superação”, ressaltou Lorenzoni. “Alguns serão campeões nas pistas, mas seguramente todos sairão com conteúdos para serem campeões na vida”, completou.

 


Notícias Relacionadas »