13/04/2021 às 10h15min - Atualizada em 13/04/2021 às 10h15min

​VÍDEO: Monumento de PG amanhece de luto pelas mortes por COVID-19 no Brasil

Objetivo da intervenção é lamentar as mortes e chamar a atenção para a responsabilidade individual e política em relação à pandemia

Por Rafael Guedes
Fotos: NCG.news
O Brasil alcançou, nesta segunda-feira (12), a marca de 355.031 mortes em decorrência da COVID-19, segundo levantamento do Consórcio de Veículos de Imprensa. Como o município de Ponta Grossa conta atualmente com 355.336 habitantes, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), isso significa que o Coronavírus fez uma Ponta Grossa inteira sumir do mapa em pouco mais de um ano de pandemia.

Para lamentar o fato e chamar a atenção para a gravidade do problema, a Frente Ampla Democrática (FAD) de Ponta Grossa realizou, nesta terça-feira (13), uma intervenção no letreiro localizado no Parque Ambiental, que traz a inscrição "Eu Amo Ponta Grossa". O monumento amanheceu coberto por um pano preto com os seguintes dizeres: "Hoje uma cidade como Ponta Grossa desapareceu do mapa em número de mortos por COVID-19". Nas laterais, um cartaz afixado sobre o pano diz ainda: "#Vacina Já #Fora Bolsonaro".

Segundo representantes da FAD, a manifestação "objetiva a reflexão e denúncia sobre a gravidade da pandemia, destacando a responsabilidade individual sobre si mesmo e a saúde do próximo, e a exigência de ações por parte dos governantes para preservar as nossas vidas". "Reivindicamos vacina já para toda a população, pois a negligência do governo não pode passar impune. Lutamos para que o Estado adote medidas socioeconômicas que amparem os brasileiros que estão em maior vulnerabilidade", explicam. 


Confira a seguir fotos da intervenção e um vídeo divulgado nas redes sociais de membros e simpatizantes da FAD que mostra a colocação da faixa: 











 
Notícias Relacionadas »