14/04/2021 às 17h31min - Atualizada em 14/04/2021 às 17h31min

Rotary de PG doa equipamento para o serviço aeromédico do SAMU

Equipamento é utilizado para visualizar, em tempo real, as vias áreas de um paciente

Da assessoria
Foto: Divulgação
Na tarde de hoje (14) a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) recebeu uma doação de equipamento para utilização em pacientes que necessitam de intubação. A doação foi de um videolaringoscópio, equipamento utilizado para visualizar, em tempo real, as vias áreas de um paciente e suas respectivas características. O instrumento doado será repassado ao serviço aeromédico. 

Desde 2020 o Rotary estava em tratativas com o município para realizar a doação. "Entramos em contato com a equipe técnica do Samu para termos o modelo exato do equipamento. Sabemos da importância e necessidade que havia, por isso realizamos ações para arrecadar fundos e poder realizar a doação", destaca o  Secretário do Rotary Club Ponta Grossa Sul, gestão 2020-2021,  Rodrigo de Jesus Camargo. 

Os recursos empregados para a aquisição do equipamento são oriundos de diversas ações promovidas pelo Rotary Clube de Ponta Grossa Sul, além de recursos destinados pela contemplação do projeto apresentado junto a Fundação Rotária – Distrito 4730 de Rotary Internacional na gestão 2020-21 e da doação para projetos sociais por parte do Fundo Social da Sicredi Campos Gerais.  

"Estamos muito felizes e satisfeitos por receber o equipamento. Com toda certeza irá nos auxiliar nos atendimentos, trazendo mais segurança aos pacientes que necessitam do aeromédico. Quanto mais recurso nossas equipes tiverem, melhor será o atendimento prestado. Agradeço a parceria do Rotary pelo empenho e dedicação em realizar a doação", ressalta a diretora do Samu, Drª Adriana Pacholok.

O equipamento videolaringoscópio é moderno e foi comprado de uma empresa em Curitiba. O valor foi de R$ 15.999,99.

O atendimento aeromédico foi inaugurado em março de 2018. Hoje as equipes atendem uma média de 30 pacientes por mês. As principais situações atendidas pelo serviço são transferências de pacientes com Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), recém nascidos para estruturas de referências, Acidente Vascular Encefálico (AVE) e politrauma. 

Notícias Relacionadas »