18/04/2021 às 12h02min - Atualizada em 18/04/2021 às 12h02min

ARTIGO: "Além do corpo físico que afeta a sua saúde", por Dra. Juliana Ribeiro

Pensamentos geram emoções, e as emoções geram desejos, que materializam no seu corpo físico a saúde ou a doença

Por Juliana P. M. Ribeiro
Foto: Divulgação
"Se você acha que é só um corpo carnal, material, sinto muito, chegou a hora de rever os seus conceitos." Essa é a frase que eu uso em minhas aulas quando quero iniciar o assunto "energia". Para mim, é impossível pensarmos no conceito "detox" somente pelo corpo físico, porque, na verdade, não somos apenas ele. Pensamos, nos emocionamos, escolhemos. E quem pensa? É o corpo? Definitivamente, não.

Onde moram os pensamentos? Pense em um elefante, isso mesmo, o animal elefante. Então, onde ele vive? Digo, o conceito. Em seu cérebro? Em seu coração? Quando te digo "elefante" e você sabe o que é, você tem uma memória, que está armazenada no seu sistema límbico, mas e os seus pensamentos? De onde vêm? Muitos filósofos e pensadores tentaram responder de onde vinham os pensamentos e as emoções, mas isso é mais simples do que podemos imaginar. O registro de tudo que experimentamos nesta vida fica guardado em uma região muito importante do nosso cérebro, o hipocampo, que faz parte do sistema límbico. Até aí, a ciência explica muito bem. 

O interessante é saber que os pensamentos geram as emoções, que geram desejos, vontades, que somatizam, materializando no seu corpo físico a saúde ou a doença. As fendas sinápticas de seu sistema nervoso disparam impulsos elétricos e neurotransmissores a todo momento, capazes de te fazer acionar algo ou paralisar, sentir prazer ou dor. Existe uma rota, uma "estrada neural" adquirida através de diversas experiências vividas e herdadas, que fazem você repetir padrões. Agora pergunto: e quando esses pensamentos não são favoráveis à sua saúde? Não se consegue controlá-los para o benefício próprio? Eis a necessidade do detox mental. Entretanto, é necessário ampliar a sua mente para entender (e aceitar) que há algo inerente a todos nós além do corpo físico.

Recentemente, no meu perfil do Instagram, postei algo nesse sentido, especificamente explicando os "outros corpos" além do físico, que denominei de sete corpos. Mas o que seria isso?


Possuímos sete corpos, que estão totalmente interligados, pois o corpo mental se divide em dois (mental superior e inferior). Indo do centro (corpo físico) à periferia (conduto central), temos:

• Corpo físico: nosso corpo material, denso;

• Corpo etérico ou duplo etérico: é o corpo onde se localizam os sete chakras (vórtices de energia) e meridianos na acupuntura, e porta de entrada para a energia sutil (prânica) ao corpo físico. Ele é etérico por ser o estado intermediário entre a energia e a matéria;

• Corpo astral ou emocional: é o corpo da emoção. É o corpo mais fino, que se segue ao corpo etérico, e está associado aos sentimentos. Sofre influência do ego e da racionalidade analítica, analisando tudo o que nos cerca;

• Corpos mentais superior e inferior: são os corpos dos pensamentos;

• Corpo causal (búdico): nosso sexto corpo, é o nível emocional do plano espiritual. Confere sentimentos de doação, sacrifício e amor universal;

• Corpo atmico (alma) ou crístico: é o sétimo corpo, é o nível mental do plano espiritual. Nele contém toda a consciência cósmica. Não se degrada com a morte do corpo físico.

Existem outros corpos além dos sete, mas esses são os que merecem mais atenção no momento. Perceba que, para haver saúde, é necessária a fusão, o alinhamento, levando comunicação e interligação a esses corpos. Apesar de a cultura ocidental dar maior ênfase ao corpo físico, só de você já saber da existência dos demais corpos que te compõem, a partir de agora, vai ampliar o seu estado de consciência e ter maior êxito na permanência do "seu" estado de saúde, que é o que todos almejam. Longevidade saudável é a meta.

Dicas interessantes que te trarão mais saúde:

• Beba água de boa qualidade (filtrada e corrigida), no mínimo sete copos cheios por dia;

• Consuma mais alimentos frescos, orgânicos, e evite os processados;

• Se necessário, use minerais, vitaminas e aminoácidos que contribuam na manutenção de seu corpo físico e mental;

• Reduza o consumo de bebidas alcoólicas;

• Siga um horário regular para as refeições. Respeite o seu ciclo circadiano;

• Faça a higiene do sono: prepare-se para dormir com uma música relaxante no quarto, sem luz (mesmo as de LED), e, uma hora antes, fuja da TV, computador e celular;

• Tenha qualidade de sono, durma o suficiente (horário regular e sono REM);

• Evite excesso de trabalho;

• Faça exercícios com regularidade (em especial Tai Chi Chuan, Yoga);

• Tome sol regularmente: 15 minutos nas palmas das mãos, no sol do meio-dia, é o suficiente;

• Ouça uma música que te tranquilize de noite e uma que te estimule de dia. Trabalho com sons padronizados e indico as frequências de faixas entre 432 Hz a 532 Hz (frequência ativadora da cura), e ainda a 963 Hz (frequência moduladora da pineal), muito interessante ao deitar. Cinco minutos já farão grande diferença na qualidade do sono. Aproveite esses momentos de você com você mesmo e mentalize, visualizando aquilo que deseja. Como será o meu próximo dia? Veja-se bem e feliz. Faça o teste durante sete dias consecutivos no mínimo;

• Conecte-se, sempre que possível, com a natureza: campo, montanhas, cachoeiras, mar, rios;

• Aproveite a boa energia (informação vibracional inata) dos minerais. Por que não colecionar cristais? Dentro de casa, no jardim, ou no seu corpo, como pingente. Além de lindos, eles harmonizam o ambiente;

• Elimine as crenças limitantes e traumas (técnicas de meditação e reprogramação mental, apoio com florais e homeográficos);

• Faça um check up geral, no mínimo, uma vez por ano;

• Em especial, tome cuidado com o autoboicote.

Autotrabalhe-se para a retirada, caso haja, do sentimento de refém da vida. Todos nós temos direito a saúde, liberdade e felicidade. Permita-se!

Namastê! O Meu Eu saúda o seu Eu. 

DRA. JULIANA P. M. RIBEIRO é farmacêutica clínica e integrativa (CRF-PR: 14440). Texto adaptado do livro ‘Sinta o Efeito Detox’ (Ed Massoni, 2020). Contato: juliana@eficacialojavirtual.com.br / (42) 9 9841-7507. 

Notícias Relacionadas »