31/05/2021 às 18h41min - Atualizada em 31/05/2021 às 18h41min

Após parada por suspeitas de COVID-19, CMEIs de PG retomam aulas presenciais

Segundo a diretora do CMEI Petrônio Fernal, os professores estão "mais que preparados"

Da assessoria
Foto: Divulgação
Dando sequência ao retorno gradativo das aulas presenciais em Ponta Grossa, foram retomadas nesta segunda-feira (31) as atividades escolares no Centro Municipal de Educação Infantil Petrônio Fernal, no Bairro Oficinas. Outros dois CMEIs que também tiveram as atividades suspensas em precaução contra a Covid-19 retornam nesta terça (1º). Desta forma, todos os 63 CMEIs da cidade encontram-se em funcionamento.

Conforme a Secretaria Municipal de Educação, as suspensões temporárias de aulas serão realizadas sempre que a medida for necessária durante o processo de retorno gradativo às aulas presenciais durante a pandemia. A retomada das atividades nestes locais será realizada tão logo seja possível o retorno dos funcionários de cada unidade.

No CMEI Petrônio Fernal foram suspendidas temporariamente as aulas após sete suspeitas de casos de Covid-19 entre profissionais do CMEI, que possui 34 funcionários. Iniciada no dia 18 de maio, a suspensão foi finalizada na última sexta (28). Durante o período, não foram registrados novos casos ou suspeitas de infecção, o que permitiu o retorno às atividades nesta unidade. Já nos CMEIs José Santana e Profª Odysséa De Oliveira Hilgenberg, foram confirmadas quatro e descartadas oito suspeitas.

A professora Marilce Ribeiro de Melo, do CMEI Petrônio, destaca o cuidado com o distanciamento entre as crianças. "Eles dizem que estavam com saudades do ambiente da escola. É importante para as crianças aqui, porque eles se soltam mais para fazer as atividades, por conta da interação social", demonstra ela, que desenvolveu nesta tarde atividades recreativas com os alunos – cada um em seu espaço, demarcado por diversos bambolês. O espaço contabiliza 238 alunos matriculados e aproximadamente 50% deste total deve frequentar as aulas, conforme opção realizada pelos pais.

Conforme a diretora do CMEI, professora Geanice Fanha, os professores estão "mais que preparados", e as crianças, ansiosas pelo retorno. "Nós também tivemos um retorno dos pais, sobre a necessidade de as crianças irem até o CMEI, pela questão da socialização com outras crianças. Estava faltando para eles a parte social no aprendizado. Acho o retorno muito importante, devido a muitos de nossos alunos morarem em apartamentos e não terem contato com outras crianças, nem um espaço para brincar. Eles necessitam desse espaço lúdico que é a escola, para poder desenvolver totalmente o aprendizado", observa a diretora.

Escolas suspensas

Neste momento, por precaução em relação à Covid-19, estão suspensas as atividades em quatro escolas, entre as 149 unidades de ensino municipais, as quais encontram-se apenas com ensino remoto: Escola Municipal José Pinto Rosas, Escola Zanoni Rogoski, Escola Plácido Cardon e Escola Maria Laura Pereira – esta última terá as aulas suspensas a partir desta terça (1º).

Notícias Relacionadas »