28/02/2021 às 13h45min - Atualizada em 28/02/2021 às 13h45min

Pauliki critica ‘lockdown’: “Os comerciantes vão pagar o pato”

Empresário também criticou a lotação do transporte público, a falta de fiscalização em festas clandestinas e a escassez de leitos

Por Rafael Guedes
Foto: Reprodução / Facebook
O empresário e ex-candidato a prefeito de Ponta Grossa, Marcio Pauliki, usou o seu perfil no Facebook, na noite deste sábado (27), para fazer uma dura crítica ao ‘lockdown’ decretado pelo Governo do Estado e seguido na íntegra pela Prefeitura Municipal.
 
A crítica de Pauliki se concentrou na questão dos chamados “serviços não-essenciais” e no fato de que, enquanto os pequenos empresários não podem oferecer esses serviços, as grandes redes de mercados podem. “Todo trabalho que provê o sustento de uma família é essencial. Grandes mercados não podem vender produtos não-essenciais durante o ‘lockdown’, prejudicando ainda mais os pequenos comerciantes que estão de portas fechadas”, afirma.
 
Na opinião de Pauliki, os pequenos empresários não geram aglomeração em suas lojas e, mesmo assim, terão de assistir às “grandes redes de mercado vendendo tudo o que não é considerado essencial pelas autoridades”, como vestuário, eletrodomésticos, cosméticos, pneus, cama, mesa e banho, produtos pet, linha bazar e outros. “Exatamente na semana em que [os pequenos empresários] precisam pagar os salários de seus funcionários”, observa. 
 
Pauliki afirma também que, na visão dele, “a prevenção ainda é o melhor remédio”, citando como exemplo o uso de máscara e os protocolos de higiene. “Tudo o que os comerciantes mais seguem à risca, mas, mais uma vez, vão pagar o pato do transporte público lotado, da falta de fiscalização das festas clandestinas e da falta de leitos já prometidos e não efetivados.”

Lockdown

De acordo com o novo decreto municipal de enfrentamento à COVID-19, publicado na noite da última sexta-feira (26) sob o número 18.617, os serviços não-essenciais estão proibidos de funcionarem até às 5h do dia 8 de março.

Confira a seguir a postagem de Pauliki na íntegra: 


Notícias Relacionadas »