01/03/2021 às 08h24min - Atualizada em 01/03/2021 às 08h24min

Operário empata com o Azuriz na estreia no Paranaense; veja detalhes da partida

“Eu vejo que a gente não fez muito de diferente do que vinha fazendo nos jogos anteriores”, avalia o técnico Matheus Costa

Da assessoria
Foto: André Jonsson / OFEC
O Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) estreou, na tarde deste domingo (28), pelo Campeonato Paranaense 2021. O Fantasmoa empatou em 1 a 1 com o Azuriz no Estádio Germano Krüger, somando o primeiro ponto na competição.

No primeiro tempo, o Alvinegro teve mais posse de bola e atuou no campo de ataque. Aos oito minutos, Jean Carlo cruzou e Rafael Oller deu um toque e mandou do lado do gol. Aos 27 minutos, foi a vez de Tomas Bastos cruzar e Léo Rigo finalizar, mas a bola foi para fora. A melhor chance da primeira etapa aconteceu aos 44 minutos, quando Rafael Chorão cobrou escanteio e Ricardo Bueno cabeceou e acertou a trave.

O Operário abriu o placar aos dez minutos do segundo tempo: Bueno escorou a bola para Tomas Bastos, que lançou para Oller chutar na saída do goleiro e balançar as redes. O Fantasma seguiu construindo jogadas, principalmente pelas laterais. Aos 41 minutos, Jean Carlo arriscou chute, a bola bateu na zaga e sobrou para Thomaz finalizar ao lado do gol. Quatro minutos depois, Silva chegou pela esquerda e cruzou para Ricardo Bueno, que mandou pertinho do gol. O adversário empatou aos 50 minutos, com gol de Edson.

Avaliação 

Em entrevista coletiva por videoconferência, o técnico Matheus Costa falou sobre o jogo. “Eu já tinha enaltecido, durante a pré-temporada, a dificuldade que seria o jogo de hoje, que a equipe do Azuriz procuraria se defender muito. Inclusive, enquanto estava 1 a 0 para nós, manteve o padrão, procurando se defender bastante. E, no último lance do jogo, tomamos o gol. Agora eu vejo que a gente não fez muito de diferente do que a gente vinha fazendo nos jogos anteriores. Procuramos propor, jogamos praticamente todo o jogo no campo do adversário, impedimos o adversário de sair jogando e o nosso percentual de posse de bola foi muito maior. Mas futebol são pequenos detalhes. Aos 50 minutos do segundo tempo, a gente estava em um contra-ataque que não definimos em gol e acabamos perdendo a bola. Acredito que isso tem que servir para nos fortalecer ainda mais no decorrer dessa competição. Temos um primeiro objetivo, que é a classificação na melhor colocação possível e, para isso, a gente tem que somar pontos para, na fase de matas, decidir em casa.”

Escalação 

O Alvinegro iniciou o jogo com André Luiz, Alex Silva, Rafael Bonfim, Léo Rigo, Fabiano, Leandro Vilela, Rafael Chorão, Tomas Bastos, Jean Carlo, Rafael Oller e Ricardo Bueno. No intervalo, Fabiano deu lugar a Silva e, durante o segundo tempo, entraram Felipe Garcia, Fábio Alemão, Thomaz e Douglas Santos para saída de Rafael Oller, Alex Silva, Tomas Bastos e Rafael Chorão.

Notícias Relacionadas »