14/07/2021 às 15h55min - Atualizada em 14/07/2021 às 15h55min

Parque Margherita Masini sediará nova Secretaria de Meio Ambiente e será revitalizado

Área na região central de Ponta Grossa já começou a receber manutenção e limpeza

Da assessoria
Foto: Reprodução / Olhando Ponta Grossa
Uma área com 60 mil metros quadrados de preservação ambiental no centro de Ponta Grossa. Este é o Parque Margherita Masini, que nos próximos meses receberá uma revitalização completa e vai sediar a nova estrutura, própria e sustentável, da Secretaria de Meio Ambiente. Os trabalhos no local já tiveram início, com manutenção prévia das trilhas e limpeza do mato alto e árvores caídas no local. O próximo passo agora é dar início a uma reforma completa na estrutura dos banheiros.

"Este espaço é de toda a população e com a instalação da nova sede da Secretaria de Meio Ambiente aqui, queremos que este parque volte a ser frequentado pelas famílias. Estamos finalizando o projeto para poder licitar a obra da nova sede, então esperamos que em cerca de um ano esta estrutura, que será sustentável, esteja instalada e 100% funcional no parque. Mas até lá, já daremos início as melhorias na estrutura. Com a limpeza que realizamos nos últimos dias, o local já ganhou outra cara e voltou a receber visitas", detalha o secretário de Meio Ambiente, Andre Pitela.

Estrutura

O projeto da nova sede da SMMA está em fase final e deve ser licitado em breve. O prédio deve contar com 900m2, dividido em dois andares, centralizando a estrutura da secretaria, como atendimento administrativo à população e demais departamentos, com exceção da Educação Ambiental, instalada no Parque de Olarias, do serviço funerário e do Viveiro Municipal, que possui sede própria, onde são mantidas todas as mudas e árvores para ações de paisagismo em áreas públicas. O espaço contará também com um auditório para realização de atividades e reuniões. A obra será sustentável, contando com reaproveitamento de materiais e painel solar para geração de energia.

A construção será custeada com recursos oriundos de compensação ambiental prevista no contrato de concessão da Sanepar para aplicação na área ambiental, além de uma complementação através do Fundo Municipal de Meio Ambiente, já aprovada pelo Comdema. "Com a nova sede, teremos um imóvel próprio,  adequado e sustentável para abrigar a grande estrutura de serviços que o Meio Ambiente hoje comporta. Junto a isso, poderemos garantir a manutenção e segurança no Parque Margherita, uma antiga reivindicação da população que quer voltar a frequentar este espaço", afirma Pitela.

Revitalização

Além da manutenção das trilhas, iluminação e limpeza do excesso de mato e lixo, a revitalização também contemplará a reforma completa da estrutura dos banheiros, a instalação de uma academia ao ar livre e a execução de três decks como mirantes, um deles já está instalado. O local deverá ser sinalizado e as áreas de preservação delimitadas, para garantir que a visitação ocorra no local sem impactar na fauna e na flora. "É um projeto a médio prazo, mas já demos início com algumas medidas e temos recebido um retorno positivo da população. Quando a revitalização e a nova sede estiverem concluídas, Ponta Grossa terá mais um belo parque e área ao ar livre para aproveitar", finaliza o secretário. 

Notícias Relacionadas »