06/08/2021 às 12h07min - Atualizada em 06/08/2021 às 12h07min

CTR Vila Velha completa dois anos de operação em Teixeira Soares

Empreendimento tem como foco a destinação correta de resíduos, atendendo cidades como Ponta Grossa e outras da região

Da assessoria
Foto: Divulgação
O Centro de Tratamento de Resíduos – CTR Vila Velha - completou no mês de julho dois anos de operação. Localizado no município de Teixeira Soares (PR), a menos de 15 km de Ponta Grossa, o CTR Vila Velha consolidou-se como uma solução a diversos municípios e empresas para destinação final ambientalmente adequada dos resíduos. 

Desde o início, o empreendimento nasceu com a solidez de um grupo empresarial que já operou mais de 1.300.000 toneladas de resíduos, se apresenta como a destinação ambientalmente adequada mais próxima da cidade de Ponta Grossa – grande polo produtivo e econômico da região.

O objetivo é simples: transformar resíduos em matéria prima para processos produtivos, valorizando-os após submetê-los a processos de tratamento com rigorosos critérios de monitoramento. As operações são feitas de forma a permitir que cada vez mais resíduos possam ser tratados, valorizados, e, principalmente, reaproveitados, resultando em um alto percentual de resíduos que deixam de ser dispostos no aterro sanitário.

Já o aterro sanitário foi projetado, licenciado e construído para a correta disposição final de resíduos não perigosos provenientes de indústrias, comércios e residências, e obedece a dezenas de leis, regulamentos e normas para não prejudicar o meio ambiente nem comunidades circunvizinhas.

O CTR Vila Velha passou a receber os resíduos urbanos de diversos municípios da região, dentre eles: Ponta Grossa, Palmeira, Carambeí, Imbituva, além de diversas empresas e indústrias da região.

Inovação e Sustentabilidade

O CTR utiliza técnicas modernas para que os processos sejam completamente seguros, garantindo a disposição adequada dos resíduos recebidos. “Esse empreendimento é de extrema importância para Ponta Grossa, cidades vizinhas e empresas da região. Com a aplicação de técnicas de engenharia, evitamos a propagação de cheiro, a atracação de aves e claro, a produção de chorume”, conta Vitor Borsato, diretor de negócios da Zero Resíduos.

O CTR Vila Velha também conta com um moderno processo de triagem de resíduos recicláveis, onde ocorre a separação, além da compostagem, um processo natural que transforma a matéria orgânica em composto orgânico, utilizado como condicionador de solos, pois é rico em nutrientes. As operações são feitas sempre de forma inovadora, para que cada vez mais resíduos possam ser tratados, valorizados e, principalmente, reaproveitados.

Reconhecimento de empresas vizinhas

Há alguns meses, a empresa Companhia Ambiental, de Curitiba, referência nacional em assessoria técnica na área de meio ambiente, realizou uma visita técnica ao CTR Vila Velha e deixou elogios. “Seu modelo de gestão é inovador para aterros, que garante qualidade na gestão de resíduos sólidos.  Com a visita, ficamos seguros em indicar o CTR Vila Velha aos clientes que necessitam de aterros licenciados e de qualidade para disposição de seus resíduos sólidos”, conta o Diretor Executivo da empresa, Pedro Dias Fuentez.

Para mais informações, acesse: www.ctrvilavelha.com.br

Notícias Relacionadas »