04/03/2021 às 09h54min - Atualizada em 04/03/2021 às 09h54min

Governo estadual envia 2.800 vacinas contra COVID para a Regional de Saúde de PG nesta quinta (4)

Previsão do estado do Paraná é vacinar cerca de 4 milhões de pessoas até maio

Da assessoria
Divulgação / AEN
O Governo do Estado começou a distribuir nesta quarta-feira (3) um novo lote de vacinas contra a COVID-19. São 67.260 doses do imunizante produzido pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo. A prioridade de vacinação é para idosos entre 80 e 84 anos, seguindo o Plano Nacional de Imunização (PNI). O montante equivale a 45,8% da remessa de 146.800 encaminhadas pelo Ministério da Saúde.

Outras 73.400 aplicações seguirão armazenadas no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar), em Curitiba, para garantir a imunização por completo de quem receber a primeira dose – o intervalo entre aplicações é de 15 a 28 dias de acordo com a bula do medicamento. A diferença, com 6.140 doses, está reservada para trabalhadores da saúde.

O mapeamento dos profissionais será definido nos próximos dias pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) em conjunto com o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Paraná (Cosems/PR).

Devido à gravidade do momento, com o aumento do número de casos e a escassez de leitos disponíveis, a 10ª Regional de Saúde, de Cascavel, foi a primeira a receber os imunizantes. O lote com 8.760 aplicações foi encaminhado ainda nesta quarta-feira por meio de uma das aeronaves do Governo do Estado. Desse total, 7.360 doses ficarão na cidade de Cascavel – o Ministério da Saúde disponibilizou um fundo extra com 6 mil conjuntos de vacinação para o município.

As outras 21 Regionais que completam o sistema público de saúde do Paraná começam a receber a nova remessa nesta quinta-feira (4). A Regional de Saúde de Ponta Grossa deve receber 2.800 doses da vacina.  “Vamos fazer a distribuição conforme o Ministério da Saúde preconizou, priorizando neste momento a vacinação de idosos. É, sem dúvida, o grupo que mais sofre e com o maior número de mortes”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.
 
O Paraná recebeu até o momento 853 mil doses. Da Coronavac/Instituto Butantan foram 265.600 no 1º lote, 39.600 no 2º lote, 147.200 no 3º lote, 64.800 no 4º lote e 146.800 neste 5º lote, além de mais 189.000 doses da Universidade de Oxford/AstraZeneca/Fiocruz. O Paraná atingiu nesta quarta-feira 323.019 pessoas vacinadas com as duas doses.

De acordo com o Plano Estadual de Vacinação, seguindo a ordenação por grupos prioritários, a previsão do Paraná é de vacinar cerca de 4 milhões de pessoas até maio. “Para isso queremos e precisamos que mais doses sejam encaminhadas pelo Ministério. O cenário é dramático, muito grave. Apesar de todo o esforço do Paraná com a maior abertura de leitos da história, não temos mais equipes e equipamentos. Apelo para o bom senso dos paranaenses”, disse Beto Preto.

Notícias Relacionadas »