15/09/2021 às 07h35min - Atualizada em 15/09/2021 às 07h35min

Vale-Gás começa a funcionar nesta quinta-feira (16) em PG

Famílias terão direito a duas recargas por ano; confira passo a passo para receber o benefício

Da redação
Foto: Divulgação
Em clima de comemoração aos 198 anos de Ponta Grossa, a prefeita Elizabeth Schmidt assinou nesta terça-feira (14) o Decreto 19.432, que regulamenta o Vale-Gás, incremento do Programa Feira Verde, que será realizado através da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA), em parceria com a Fundação de Assistência Social de Ponta Grossa (FASPG). A troca de materiais recicláveis por recargas de gás de cozinha (GLP), terá início nesta quinta-feira (16) com o objetivo atender mais de 5 mil famílias em situação de vulnerabilidade social, garantindo a segurança alimentar dessas pessoas. 

Para Elizabeth o momento é de alegria, pela concretização de um compromisso assumido e que fará toda a diferença para a vida de milhares de pessoas. Segundo ela, o gás de cozinha é uma necessidade básica para possibilitar uma alimentação saudável para as famílias. “Desde o início deste ano trabalhamos para o Vale-Gás se tornar uma realidade já no primeiro ano de mandato. Temos como objetivo fazer de Ponta Grossa uma cidade mais produtiva, mais desenvolvida, mais próspera, mas também mais humana”, aponta a prefeita.

No decreto, a Prefeitura regulamenta o funcionamento do Vale-Gás, desde o cadastramento dos interessados, a seleção dos beneficiados e os critérios para troca de recicláveis pelo Cartão Gás de Cozinha, por exemplo. “O decreto estabelece as regras de maneira clara, visando beneficiar as pessoas que realmente necessitam do benefício. Para isso, serão investidos cerca de R$ 880 mil que serão revertidos em segurança alimentar para mais de 5 mil famílias”, finaliza Elizabeth.

Confira passo a passo para receber o benefício

1. Para quem realizou o cadastro através do site da Prefeitura, já constam no site os beneficiados por ponto de troca (acesse aqui). Para a consulta, deverá ser utilizado o CPF cadastrado;

2. Para os beneficiados através da indicação da FASPG, será comunicado pela Prefeitura o ponto de troca mais perto da sua residência. As informações estarão no site da Prefeitura e também diretamente nos CRAS;

3. Em ambos os casos, a partir do dia 16 de setembro o beneficiado poderá se dirigir ao ponto de troca determinado levando o material reciclável. Ao todo, serão 209 pontos de troca espalhados por toda cidade;

4. Quem tiver o cadastro on-line aprovado, deverá imprimir a autodeclaração e levar assinada no ponto de troca;

5. Poderá receber o benefício apenas um integrante por núcleo familiar que viverem na mesma moradia;

6. Para receber o Cartão - Gás de Cozinha GLP 13 kg, são considerados materiais recicláveis de troca para a pontuação: metal, plástico, vidro, papel e papelão e o mesmo material trocado pelo Vale-Gás não poderá ser trocado por alimento;

7. Quando completar 30 pontos, que é o equivalente a 30 kg de recicláveis, o usuário poderá trocar pelo Cartão-Vale Gás no ato da entrega;

8. Caso não complete os 30 kg de recicláveis no momento da troca, o beneficiado receberá um ticket de comprovação para controle pessoal da quantidade de quilos;

9. O controle de pontos será registrado no sistema e poderá ser consultado pelo munícipe através do site da Prefeitura;

10. O pedido do gás de cozinha para a distribuidora deverá ser realizado após 36 horas da efetivação da troca de recicláveis no ponto de troca. Após o pedido realizado, o botijão de gás 13 kg GLP será levado na casa do beneficiado em até 24 horas, ou poderá ser retirado junto à empresa contratada. 

11. O beneficiado obrigatoriamente deverá estar em posse do botijão vazio para a troca pela recarga do gás;

12. O munícipe cadastrado terá direito a duas recargas de gás, por ano;

13. A segunda unidade poderá ser solicitada após 45 dias da data da primeira;

14. O Cartão - Gás de Cozinha GLP 13 kg é de caráter informativo, pessoal e intransferível, não podendo ser comercializado. Caso seja utilizado de forma indevida, implicará em suspensão imediata do cadastro do beneficiário no Programa Feira Verde;

15. O usuário deverá estar sempre atento a validade do cartão, não podendo após esta data retirar a recarga após o prazo estipulado.

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com NCG News!