29/09/2021 às 12h15min - Atualizada em 29/09/2021 às 12h15min

Santa Casa de PG realiza procedimento inédito na história do hospital

Procedimento foi realizado na unidade de Hemodinâmica da instituição

Da assessoria
Foto: Divulgação
A Santa Casa de Ponta Grossa realizou, nesta terça-feira (28), um procedimento inédito na história do hospital, denominado Oclusão Percutânea de Comunicação Interatrial (CIA).

Minimamente invasivo, o procedimento cardíaco é realizado por acesso venoso na região da virilha do paciente, puncionando um vaso e com um cateter acessando as câmaras cardíacas. Todo o procedimento é realizado com controle radioscópico na sala de cateterismo cardíaco.

De acordo com o médico hemodinamicista Rubens Zenóbio Darwich, esse tipo de intervenção é indicado para correção de defeitos congênitos cardíacos estruturais. "Colocamos um plug entre duas câmaras do coração [átrios], que devem ficar isoladas. O risco é muito baixo e no dia seguinte a paciente já pode ir para a casa", explica.

O procedimento foi realizado na unidade de Hemodinâmica do hospital e possibilita que a instituição continue atendendo a população dos Campos Gerais com tecnologia avançada, inclusive os pacientes que utilizam o Sistema Único de Saúde (SUS).

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com NCG News!