09/03/2021 às 16h06min - Atualizada em 09/03/2021 às 16h06min

Pena de nove anos de prisão para Robinho é mantida por conta de "particular desprezo à vítima"

Juízes chegaram à conclusão após ver mensagens enviadas por Robinho comentando o caso

Da assessoria
Reprodução / Globo Esporte
O atacante Robinho, atualmente sem clube, viu ser revelado nesta terça-feira (9) o teor da sentença de nove anos de prisão pela Justiça da Itália pelo crime de estupro, cometido em 2013.

A confirmação da sentença ocorreu em dezembro do ano passado em decisão da Corte de Apelo de Milão, o equivalente ao Supremo Tribunal Federal (STF) no Brasil.

Foi sustentado que a pena deveria ser mantida devido à manifestação de "particular desprezo em relação à vítima, que foi brutalmente humilhada", segundo concluíram os juízes diante de mensagens enviadas por Robinho comentando o caso.

Confira a matéria na íntegra, aqui.

Notícias Relacionadas »