11/11/2021 às 16h01min - Atualizada em 11/11/2021 às 16h01min

Quando o colchão pode ser o vilão da sua saúde

Colchões podem estar ligados a sensações como desânimo, dor no corpo e até doenças crônicas

Da redação
Foto: Reprodução
Passamos 30% de nossas vidas dormindo, é uma parte importantíssima da rotina que merece atenção para um sono de qualidade e também para o colchão a ser usado. O colchão deve alinhar a coluna, afundando apenas o necessário para apoiar sua curvatura.

Na correria do dia a dia, as dores no corpo nem sempre recebem atenção. Muitas vezes culpamos a rotina frenética, sem descobrir a real causa. Se você sente frequentemente dor ou cansaço, a causa pode estar no colchão.

Um colchão desgastado ou inadequado à sua altura e peso pode afundar menos ou mais que o ideal, se transformando em um risco para a saúde, afetando sua energia, humor e concentração. Isso ocorre pela falta do descanso das vértebras, que ficam tensionadas para compensar a posição do corpo, gerando dores. Para um sono de qualidade, o colchão deve afundar de 3 a 5 centímetros, do contrário, pode causar problemas como:

Problemas de coluna

Ao dormir em uma posição errada, o corpo não tem o apoio necessário. Nisso começam dores e desconfortos na coluna, podendo atingir outras regiões. Esse agravamento gera doenças como cifose, lordose e escoliose, deformações na coluna caracterizadas por fortes dores e potencial impacto no restante do corpo.

Dores no corpo

Incômodos sentidos nas costas e ombros de dia estão relacionados a colchões inadequados. Dores de cabeça também podem surgir, caso seu travesseiro não mantenha a coluna e pescoço alinhados. Mesmo um bom colchão, após certo tempo de uso, pode perder a capacidade de sustentar o corpo com aconchego.

Distúrbios do sono

Insônia, agitação, interrupção do sono e dificuldade para relaxar também podem vir de um colchão incorreto, gerando desde cansaço e sonolência, até quadros psicológicos como ansiedade.

Doenças cardiovasculares

É isso mesmo, o sono faz mais do que revigorar energias! Todo o organismo é afetado. Seu sistema circulatório e saúde cardíaca estão diretamente ligados a noites bem dormidas, pois é dormindo que seu corpo libera hormônios reguladores do sistema cardiovascular. 

Enfraquecimento do sistema imunológico

Uma função do corpo que muitas pessoas não associam ao sono é a imunidade. Ao acordar muitas vezes de noite, seu corpo não completa as fases de sono profundo, nas quais é feito o fortalecimento do sistema imunológico. Como consequência, noites mal dormidas te deixam mais vulnerável a doenças no geral.

Então, como escolher o modelo correto?

Ao adquirir um novo colchão, considere qual a melhor densidade, material e tamanho para você, assim conseguirá o suporte ideal para sua coluna. As vantagens de um modelo novo também são respiratórias: O produto novo estará livre de substâncias alérgicas, garantindo um sono bem mais agradável.

Se quiser conferir modelos de colchões com variedade e qualidade, a ponta-grossense Lojas MM está promovendo durante novembro o Feirão de Colchões, com ofertas e condições especiais na linha de colchões. A campanha está inclusa na Operação Black, que também promove ofertas de móveis, tecnologia e demais utilidades para o lar.

Especialistas recomendam 8 horas de sono diariamente, com o ambiente escuro, temperatura confortável e aconchego para evitar ao máximo quaisquer interrupções dos ciclos do sono, garantindo noites revigorantes e livres de propensão a desenvolver doenças e complicações, sejam elas físicas ou psicológicas.

Notícias Relacionadas »