23/11/2021 às 12h09min - Atualizada em 23/11/2021 às 12h09min

UEPG lança webdocumentário sobre ações de combate à pandemia no Paraná

Trabalho registra em fotos, vídeos e textos a ação das universidades estaduais do Paraná em resposta à pandemia de COVID-19

Da assessoria
Foto: Divulgação
Uma resposta rápida à pandemia no Paraná. Na tarde desta segunda-feira (22), o Governo do Estado do Paraná  lançou o ‘Chamada Zero Nove’, webdocumentário (clique aqui para assistir) realizado pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, que retrata as principais ações de enfrentamento à Covid-19 em todo o território paranaense. O evento aconteceu no Auditório Paul Garfunkel, da Biblioteca Pública do Paraná, e foi transmitido ao vivo no canal do Youtube da UEPG.

Todo o material foi coletado e produzido por uma equipe da Coordenadoria de Comunicação da UEPG. O webdocumentário, organizado numa plataforma multimídia, registra em fotos, vídeos e textos o trabalho das Universidades Estaduais do Paraná em resposta à pandemia de Covid-19, e, em especial a Chamada Pública 09/2020 (Programa de Apoio Institucional para Ações Extensionistas de Prevenção, Cuidados e Combate à Pandemia do Coronavírus), que colocou bolsistas em todo o estado, em tempo recorde.

Considerada a maior iniciativa de extensão brasileira no combate à pandemia, a Chamada 09 contratou mais de mil bolsistas (1.167), entre professores, profissionais de saúde e estudantes, para atuar em ações preventivas, de tratamento e de esclarecimentos sobre a doença. Foram investidos R$ 14,5 milhões na iniciativa, beneficiando muitos municípios no Estado do Paraná.

O projeto foi coordenado pela Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti); em parceria com a Fundação Araucária; com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa); com as Universidades Estaduais; e com patrocínio da Itaipu Binacional. “A UEPG respondeu imediatamente ao desafio de elaboração deste webdoc. Certamente todas as Universidades Estaduais do Paraná responderiam com a mesma presteza, mas a UEPG conduziu muito bem este processo, como pudemos ver hoje”, destaca o superintendente da Seti, Aldo Nelson Bona. O superintendente ressalta que o Paraná, agora, possui um acervo rico das ações do combate à pandemia no Estado. “A riqueza do material permite inúmeras outras produções de interesse das Universidades e instituições do Paraná. Não sei se existe outro Estado no Brasil que tenha tanta riqueza de registro como foi feito neste trabalho”.

“Hoje é dia de agradecimento, por estarmos vivos e por todas as iniciativas do Governo do Estado durante a pandemia”, destacou o professor Miguel Sanches Neto, reitor da UEPG, em discurso. “Esse trabalho permitiu que nós conhecêssemos a realidade do combate à Covid-19 em todo o estado do Paraná”. O reitor destaca que o lançamento da plataforma acontece em um momento de superação da pandemia. “Ao mesmo tempo em que estamos vencendo a pandemia, o lançamento do webdocumentário registra todo o esforço das nossas Universidades e da comunidade para que pudéssemos viver este momento mais ameno. Que tudo isso se transforme em uma memória de um tempo que vencemos juntos”.

Além das frentes de trabalho do edital nas divisas rodoviárias, testagem no Laboratório Central do Estado, Unidades Básicas de Saúde e Regionais de Saúde, centrais de informações sobre a Covid-19 e telemedicina e tantos outros espaços ocupados pelos bolsistas da Chamada 09, o webdocumentário registra, ainda, o contexto da pandemia e do surgimento do novo coronavírus, os esforços no combate à Covid-19 nos Hospitais Universitários, as ações extensionistas de apoio às comunidades afetadas economicamente, desenvolvimento de novas tecnologias (robôs, respiradores, aplicativos), pesquisas sobre o vírus e sobre a doença, confecção de equipamentos de proteção individual (máscaras, protetores faciais, álcool em gel), os impactos da pandemia no cotidiano de idosos e de crianças, o isolamento social e seus efeitos, as medidas de retomada econômica pós-pandemia, as mudanças na rotina de unidades penais, os impactos na saúde mental, o ensino remoto nas Universidades, a vacinação contra Covid-19 e os principais legados da pandemia. 

O secretário de Estado da Saúde do Paraná, Beto Preto, salientou a importância da parceria entre as instituições para a rápida resposta do Estado para atender à população. “Nós estamos com a pandemia sob controle, caminhando para o fim, e a emoção de ver este documentário é muito forte, que fique gravado que esses bolsistas foram essenciais e eficazes para o nosso trabalho”, comemora.

“É um documentário brilhante”, evidencia Ramiro Wahrhaftig, presidente da Fundação Araucária. “Temos muitos registros desse momento pandêmico, que irão perdurar por vários anos e que as próximas gerações terão como referência”. O presidente aponta, ainda, a importância do trabalho das Universidades Públicas para o Paraná. “São o grande patrimônio que a sociedade tem hoje,  um bem público e comum, são estas que detêm os grandes ativos para o nosso trabalho”.

Lançamento

Depois dos aplausos em pé da plateia, a representante da Secretaria de Estado da Administração e da Previdência, Rute Menezes, se disse emocionada em assistir a uma parte do webdocumentário. “Infelizmente muitas pessoas estão esquecendo de tudo que passou e esse trabalho veio para lembrar como as Universidades foram importantes no combate à pandemia, e isso a gente não pode esquecer jamais”, declara.

A equipe da Biblioteca Pública do Paraná também se sentiu emocionada por fazer parte do lançamento, de acordo com o diretor Luiz Felipe Leprevost. “Nossa Biblioteca também trabalhou para guardar todo o conhecimento adquirido pelos paranaenses durante a pandemia. Ver o documentário Chamada Zero Nove ser transmitido aqui foi maravilhoso. Contribuir com esse momento é gratificante”, adiciona. 

A reitora da Uenp e presidente da Associação Paranaense das Instituições de Ensino Superior Público (Apiesp), Fátima Padoan, agradeceu à UEPG pelo trabalho apresentado. “A UEPG conseguiu demonstrar com efetividade o papel importante das nossas Universidades, que responderam aos desafios impostos pelo Estado”, ressalta. A Chamada 09 e o webdocumentário mostraram que a Universidade Pública Paranaense é capaz, segundo ela. “Temos competência, todas as Universidades estão de parabéns pelo trabalho desempenhado nesses últimos meses”, completa.

Webdocumentário

“Nós fomos a todos os lugares no momento em que todo o mundo se fechou. Deixamos de lado o medo, porque sabíamos que era importante”, lembra a diretora do webdocumentário e coordenadora de comunicação da UEPG, Luciane Navarro. “O webdocumentário faz o encontro de dois mundos: o mundo da ciência e o mundo das pessoas, que a gente acha que são distantes, mas que estão muito próximos e entrelaçados. Faz, no melhor sentido da palavra, uma propaganda dessa relação entre as Universidades e a comunidade”. 

Por 19 meses, a equipe, composta pelas jornalistas Luciane Navarro e Aline Jasper, pelo publicitário Fábio Ansolin e pelo produtor de vídeo Juliano Mattozo, percorreu 40 cidades e realizou 332 entrevistas com lideranças, professores, comunidade, bolsistas e pacientes recuperados. O trabalho resultou em 17 blocos temáticos, compostos por 235 minutos de vídeo, 700 fotografias e 200 páginas de texto jornalístico. Na plataforma do webdocumentário “Chamada Zero Nove”, o usuário tem acesso a conteúdos em vídeo, texto e fotos, além de extras, como os bastidores e entrevistas completas. 

Além disso, a plataforma segue em atualização, de forma colaborativa, com a possibilidade de enviar materiais. “A nossa ideia é que seja um projeto em construção, então o bolsista que participou e que tem uma foto ou vídeo dessa ação, ou o professor que atuou em algum projeto, pode enviar e contribuir para a formação dessa memória digital”, complementa a jornalista Aline Jasper.  

Para o trabalho de pós-produção, somaram à equipe Jéssica Natal (Extras, Redação e Revisão); Júlio César Prado (trilhas e apoio de edição); William Clarindo (animações e apoio de edição); e, no desenvolvimento da plataforma, os profissionais do Núcleo de Tecnologia da Informação da UEPG (NTI) Juliano Lavandoski (Web Designer), Ademir Mazer Junior (Gerente de Projeto) e Luiz Gustavo Barros (Diretor de TI).

O ‘Chamada Zero Nove’ está disponível no site zeronove.apps.uepg.br, com 12 capítulos, textos jornalísticos e fotos. Os cinco capítulos restantes serão disponibilizados gradualmente nas semanas posteriores, às quintas-feiras.

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com NCG News!