15/03/2021 às 09h39min - Atualizada em 15/03/2021 às 09h39min

Pagamento do auxílio emergencial deve começar em abril

Governo estuda a possibilidade de o benefício ser estendido por mais de quatro meses, como previsto inicialmente

Da redação, com informações do 'Terra'
Divulgação / Agência Brasil
Está prevista para esta segunda-feira (15) a publicação da medida provisória (MP) que recria o auxílio emergencial. “Realizaremos, na próxima segunda-feira, sessão do Congresso Nacional para a promulgação da PEC [Proposta de Emenda Constitucional] Emergencial 186/19 que permitirá a retomada do pagamento de auxílio emergencial aos mais necessitados do Brasil”, comunicou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, em suas redes sociais.

Com a aprovação da PEC na última quinta-feira (11), a expectativa era que na última sexta-feira (12) a MP fosse publicada, garantindo o início do pagamento do benefício em março. Com a publicação sendo realizada somente nesta segunda, as parcelas devem começar a ser depositadas no início de abril.

Segundo informações do ‘Terra’, técnicos do governo têm a expectativa de que o texto entre em vigor na semana que vem para que, em seguida, o Executivo edite uma MP com as regras do programa, que deve abranger 46 milhões de famílias.

De acordo com a última MP, o benefício será concedido a apenas um membro da família, no valor de R$ 250, pagos em quatro meses. Mulheres com filhos terão direito a uma cota mais alta, de R$ 375; e pessoas que moram sozinhas poderão receber R$ 150.

O governo estuda a possibilidade de o benefício ser estendido por mais de quatro meses, como previsto inicialmente.

Notícias Relacionadas »