19/03/2021 às 17h26min - Atualizada em 19/03/2021 às 17h26min

Atleta ponta-grossense tem luta marcada na Rússia

Com previsão de embarcar entre os dias 19 e 24 do próximo mês, a lutadora já está estudando o jogo da adversária, a alemã Katrin Dirheimer

Por Rafael Guedes
A lutadora Mirela Vargas está de malas prontas para viajar até Moscou, capital da Rússia. No dia 30 de abril, a ponta-grossense vai enfrentar a alemã Katrin Dirheimer na categoria 75 quilos do Grand Prix de Boxe Árabe, na cidade eslava. Com previsão de embarcar entre os dias 19 e 24 do próximo mês, Mirela já está estudando o jogo da adversária. “Estou vendo as lutas dela pelo YouTube. Ela joga ‘plantada’, ou seja, eu terei que me movimentar e colocar mais volume de golpes. Estou treinando para jogar nos erros dela”, afirma.
 
O combate traz duas novidades para a atleta de Ponta Grossa: o peso e a modalidade. É a primeira vez que Mirela luta na categoria 75 quilos (a categoria dela é 85 quilos) e é a primeira vez que luta Boxe Árabe, modalidade do Kickboxing com protetor de pé, em que é permitido usar as costas da mão e dar chutes na coxa, corpo e rosto. A diferença é o tempo de luta. “Eu já tinha lutado Lowkick, uma modalidade do Kickboxing que possui regras semelhantes. Porém, no Boxe Árabe o tempo de luta é maior. São oito rounds de dois minutos cada”, explica.

Parceria 

Apesar de a rotina de treinos ter sido afetada pela pandemia de COVID-19, Mirela está empolgada com o combate, fruto de uma nova parceria fechada pela atleta. “Já faz um tempo que eu estou sem a minha equipe, e tem essa situação de pandemia que deixa tudo complicado, mas estamos fazendo o máximo. Essa é só a primeira de muitas lutas de uma nova parceria que eu fechei na Europa”, conta. Após a luta em Moscou, Mirela deve passar uma temporada no continente europeu, preparando-se para o próximo Mundial de Savate (Boxe Francês), que ocorrerá em Nantes (França), entre julho e agosto.

Currículo 

Graduada em Jiu Jitsu e Muay Thai, Mirela é campeã mundial de Jiu Jitsu pela Confederação Brasileira de Jiu Jitsu Esportivo (CBJJE), campeã paranaense de Jiu Jitsu, campeã brasileira de Kickboxing K1 e terceiro lugar no Mundial de Kickboxing K1 pela Associação Mundial de Organizações de Kickboxing (Wako, na sigla em inglês), a mais importante do planeta na modalidade.

Confira o 'card' do evento russo: 


Notícias Relacionadas »