25/03/2021 às 18h18min - Atualizada em 25/03/2021 às 18h18min

VÍDEO: Aliel lamenta morte do casal Thiago e Nielle Weckerlin pela COVID-19

Deputado também pediu “respeito à ciência” e apoio governamental no combate à pandemia

Da redação
Foto: Reprodução / YouTube
O deputado federal Aliel Machado (PSB) lamentou a morte do casal Thiago e Nielle Weckerlin em pronunciamento realizado no plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília (DF), nesta quinta-feira (25). “Hoje a minha cidade, Ponta Grossa, perdeu a Nielle, uma moça jovem, e perdeu o Thiago, o seu esposo, que deixou quatro crianças órfãs. Os dois perderam a batalha para a COVID-19. Ficam aqui os nossos sentimentos”, disse o parlamentar. 

O deputado aproveitou o momento para pedir “respeito à ciência” e apoio governamental no combate à pandemia de COVID-19. “Nós brigamos e lutamos aqui para que seja feito o justo, para que, em momentos de dificuldades, sejam estabelecidas prioridades, para que se respeite a ciência, para que a gente possa enfrentar esse momento. E nós, aqui, vamos continuar vigilantes, cobrando posicionamento, cobrando para que as pessoas tenham condições de fazer esse enfrentamento com o apoio governamental”, afirmou. 

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, também se solidarizou com a morte do casal. “Agradecemos à Vossa Excelência, deputado Aliel Machado; e [fica] a nossa manifestação de pesar pelo falecimento dos seus conterrâneos”, declarou Pacheco.  

Casal

Apenas 11 dias após a morte do marido, o consultor de imóveis e empresário Thiago Weckerlin, Nielle Weckerlin morreu nesta quinta-feira (25) em decorrência da COVID-19, assim como Thiago. De acordo com amigos, Nielle foi vitimada por uma parada cardiorrespiratória, relativamente comum em casos graves de COVID-19.

“Infelizmente, perdemos essa batalha. A Nielle foi encontrar o Thiago. Oremos por essas quatro crianças, e oremos pelos pais e irmãos da Nielle e do Thiago. Que a cidade de Ponta Grossa possa acolher essa família, dar todo suporte. Que o Senhor possa consolá-los”, publicou um amigo nas redes sociais.

O casal era frequentador da igreja Bola de Neve e deixa quatro filhos.

Assista ao pronunciamento do parlamentar: 



 
Notícias Relacionadas »