29/03/2021 às 08h59min - Atualizada em 29/03/2021 às 08h59min

Prefeitura sanitiza principais vias comerciais de PG para reabertura do comércio

Foram utilizados 30 mil litros de água com hipoclorito de sódio 12%

Da assessoria
Foto: Divulgação / PMPG
Na noite deste domingo (28), foi realizada mais uma Operação de Sanitização no combate ao covid-19, nas principais vias comerciais da cidade. Foram utilizados 30 mil litros de água com hipoclorito de sódio 12%, material utilizado na sanitização, que foi pulverizado com o caminhão da seção de incêndio do Aeroporto Sant'Ana, da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMICQP). A prefeita Elizabeth Schmidt acompanhou a ação de dentro do caminhão e salientou a importância para a economia local do comércio permanecer aberto.

Entre os locais que foram sanitizados estão as principais ruas do centro da cidade, incluindo a Rua Balduíno Taques, Vicente Machado e o Calçadão da Cel Claudio. No bairro da Nova Rússia, foram sanitizadas a Avenida Dom Pedro II e a Avenida Ernesto Vilela, enquanto no Santa Paula, a principal via comercial, Rua Nicolau Kluppel Netto. O caminhão passou também por Uvaranas, em toda a extensão da Avenida Carlos Cavalcanti, em Oficinas na Avenida Visconde de Mauá e na Avenida Monteiro Lobato, no Jardim Carvalho.

A prefeita conta que foi percorrendo as ruas da cidade, acompanhando a sanitização das ruas, percebeu que o comércio necessita do poder público e que o poder público necessita do comércio forte para o desenvolvimento da cidade. Para ela, o retorno do funcionamento do comércio é fundamental, por isso a gestão fará todo o possível para mantê-lo assim de agora em diante, mesmo que de maneira escalonada. "O objetivo é deixar o entorno das lojas prontos para receber a população, para juntamente com os comerciantes enfrentarmos a pandemia, sem comprometer a economia local, sem comprometer os empregos, mas principalmente sem comprometer a vida das pessoas", explica Elizabeth.

O secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, José Loureiro destacou que todos os esforços estão sendo empregados no combate a pandemia e na defesa da economia da cidade. "Precisamos agora da ajuda dos empresários do nosso comércio, que exijam que seus clientes e colaboradores utilizem a máscara e o álcool gel constantemente, bem como que seja obedecida a limitação da quantidade de pessoas dentro dos estabelecimentos. Juntos seremos mais fortes e se todos fizermos o dever de casa, manteremos o comercio aberto, sem que isso impacte em aumento de casos da Covid-19 em nossa cidade", finaliza Loureiro.

Notícias Relacionadas »