02/12/2022 às 14h28min - Atualizada em 02/12/2022 às 14h28min

​Coreia do Sul vence Portugal, se classifica e pode encarar o Brasil nas oitavas

Já garantidos na próxima fase, portugueses tiveram time misto no último jogo pelo Grupo H

Da redação
Divulgação
O jogo era mera formalidade para Portugal, já classificado e que precisava apenas do empate para garantir o primeiro lugar no Grupo H da Copa do Mundo, mas para a Coreia do Sul valia a vaga nas oitavas de final. Nos acréscimos, os sul-coreanos fizeram valer a vontade e a pressão de todo o jogo. Os asiáticos, com um gol nos acréscimos, venceram os portugueses por 2 a 1 e garantiram o segundo lugar. Ricardo Horta, aos quatro, abriu o placar para os portugueses, Young-Gwon, aos 26 do primeiro tempo, e Hwang Hee-Chan, aos 46 do segundo, marcaram os gols da partida.

Portugal enfrentará, na terça-feira, às 16h, o segundo lugar do Grupo G, o do Brasil. Na segunda, a Coreia do Sul duelará contra o primeiro da mesma chave. Os adversários serão conhecidos depois dos dois jogos das 16h entre o time de Tite e Camarões e Suíça e Sérvia.

A Coreia do Sul não contou com o treinador português Paulo Bento, ex-Cruzeiro, no jogo decisivo. O comandante levou o cartão vermelho por reclamação após o apito final do duelo contra Gana. Sergio Costa foi quem comandou os sul-coreanos. Pelo lado de Portugal, o técnico Fernando Santos fez alterações na equipe. Do meio pra frente, com exceção de Rúben Neves e Cristiano Ronaldo, todos os jogadores são diferentes da vitória contra o Uruguai na última segunda.

Precisando da vitória, os sul-coreanos começaram pressionando os portugueses no campo de defesa. Mas a primeira oportunidade foi portuguesa e acabou em gol. Aos quatro minutos, Dalot recebeu lançamento de Pepe, foi ao fundo e rolou para Ricardo Horta botar para dentro do gol, abrindo o placar em Al Rayyan.

Aos 14, João Cancelo, jogando pelo lado esquerdo no lugar de Nuno Mendes, que não atua mais na Copa em virtude de uma lesão, driblou o marcador e chutou, mas o goleiro sul-coreano fez a defesa.

O time asiático, aos 16, conseguiu marcar, mas o bandeira confirmou o impedimento ainda no campo. Kim Jin-Su botou para dentro do gol depois do rebote do goleiro, mas estava adiantado.

A pressão sul-coreana surtiu efeito. Aos 26, em cobrança de escanteio, a bola desviou em Cristiano Ronaldo e ficou para Kim Young-Gwon, que teve o trabalho apenas de mandar para o gol e superar o goleiro Diogo Costa.

Na sequência, a estrela de Portugal perdeu um gol que não costuma desperdiçar. Ele recebeu cara a cara com o goleiro sul-coreano, mas chutou em cima do camisa 1. Apesar disso, o bandeira já tinha marcado o impedimento.

Dalot, que deu assistência para o primeiro gol, resolveu arriscar da intermediária, mas também parou no goleiro Kim Seung-Gyu. No escanteio, os portugueses não conseguiram aproveitar a chance. 
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com NCG News!