04/02/2021 às 15h40min - Atualizada em 04/02/2021 às 15h40min

Isolamento social impulsiona vendas do PS5 e Sony tem o maior faturamento da história

Até agora, a empresa já faturou US$ 3,2 bilhões em lucro operacional, o maior desde a criação do PlayStation, em 1995

Da redação
Foto: Reprodução / CGM Tech
 

A Sony divulgou informações sobre as vendas do PlayStation 5 (PS5) e revelou que já foram comercializadas 4,5 milhões de unidades. Graças a isso, a empresa atingiu, no ano fiscal de 2020/21, o maior faturamento de sua história.  

A boa performance do console foi influenciada pelo aumento do interesse por jogos durante o isolamento social. Por conta disso, a Sony faturou US$ 3,2 bilhões em lucro operacional, o maior desde a criação do PlayStation, em 1995.

Até o fechamento do ano fiscal, em 31 de março de 2021, a Sony espera ter vendido 7,6 milhões de unidades do PS5. 

PS4

Até 31 de dezembro do ano passado, as vendas do console eram similares ao que o PS4 havia vendido nos primeiros meses. A demanda pela geração anterior do videogame ainda é alta. Só entre outubro e dezembro de 2020, 1,4 milhão de unidades do PS4 foram vendidas, gerando, junto com a divisão de jogos e serviços, uma receita de US$ 8,4 bilhões. Somente a venda de jogos digitais totaliza US$ 1,76 bilhão do lucro, mais US$ 2,43 bilhões de conteúdo adicional vendido. O serviço de assinatura PlayStation Plus também foi uma parte expressiva da receita, crescendo 22% e batendo 47,4 milhões.

Cerca de 103,7 milhões de jogos foram vendidos no terceiro trimestre do ano passado, sendo 18,4 milhões títulos originais. Como mais um reflexo da pandemia, 53% dos games de PS4 e PS5 foram vendidos digitalmente. 

 

 


Notícias Relacionadas »